Murchar

"Eu não sou uma princesa,
isso não é um conto de fadas.
Eu não sou aquela que você varre os pés,
Que é conduzida por você na escadaria."
[White Horse - Taylor Swift]

Se eu fechar os olhos e sonhar que ainda é cedo, você promete que vai querer voltar? Meu coração está cansado, doendo de tanto sofrimento. Tudo que eu quero é acordar do sonho que me fez acreditar que histórias de amor não podiam acabar. E tudo que eu presei ficou enterrado no fundo, profundo do meu amar.

Então eu peço que as folhas nasçam verdes, que a chuva caia quente e que tudo brilhe divagar. É nostalgia que aperta o coração e tudo o que eu consigo é fechar os olhos e respirar. Todavia o vento passa e eu sinto o que jamais poderei falar, expressar. É como uma flor que nasce e derrepente, não mais que derrepente, resolve murchar..

Talvez se eu te fizer um pedido, do tipo ingênuo que só eu sei pedir, ao menos, tente cumprir: Decida de que lado vai ficar. Eu já não posso aguentar. Meu coração é a prisâo e só a minha alma pode me libertar.

Desculpe se eu fujo, é que eu já não acredito mais em contos de fadas.